• 1
  • 2
  • 3
Prev Next

 II Silvania Weekend - Dia de Campo, Palestras e Shopping de Animais    

Leia mais

        Demasia JM Monte Alverne foi recordista da FEILEITE 2012 aos 8 meses de parid...

Leia mais

           Vale Ouro TE Silvania veio a óbito no dia 17 de julho. Filh...

Leia mais

    TEATRO da Silvania, uma performance que se supera através de suas maravilhosas filha...

Leia mais

   A Estância Silvania promove no dia 20 de Novembro de 2012, o sexto leilão exclusivo da fazenda em comemor...

Leia mais

Opala Brilhante (Girolando ¼) é atual recordista de produção de leite vaca jovem com 10.751,42 kg em 365 dias...

Leia mais

Como reconhecer e evitar a alergia ao leite

Como reconhecer e evitar a alergia ao leite, que costuma ser confundida com intolerância à lactose. Observar a qualidade do leite que se consome é fundamental para evitar ou controlar os processos alérgicos e seus desagradáveis sintomas.

leite

Reações ao leite às vezes são vistas como intolerância à lactose, o açúcar do leite. Mas há outra vilã nessa história, que precisa ser avaliada com cuidado. É a alergia à proteína do leite - que nada tem a ver com lactose. Nesse caso, o processo alérgico pode ser disparado por qualquer tipo de leite, como de vaca, cabra ou búfala. Um especialista é capaz de identificar a proteína-vilã e assim torna-se fácil excluí-la da dieta. Todas as fêmeas, incluindo a mulher, produzem a proteína Beta Caseína A2, mas há cerca de 10 mil anos algumas vacas também passaram a produzir Beta Caseína 1, relacionada com uma série de reações alérgicas e casos de autismo, morte súbita e diabetes tipo1 em crianças, e a problemas coronários, neurológicos e colesterol elevado, em adultos. O manejo inadequado do gado também altera a qualidade do leite. Sabe-se que as raças zebu, como a Gir, não foram afetadas por mutação genética e ainda produzem leite A2 em níveis bem próximos a 100%. A Guernsey produz só o leite A2. A Jersey, 75% de leite A2 e 25% de leite A1 (alergênico). A Holandesa produz 50% de leite A1 e 50% de leite A2. Usar leite predominantemente A2 pode eliminar o problema ou suavizar seus efeitos. Pense nisso na sua próxima compra.

Fonte: http://www.drrondo.com

Estância Silvania - Todos os direitos reservados
Eduardo Falcão de Carvalho - São José dos Campos - SP 
(12) 3302 - 3077 e 9713 - 7144
arvore